Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Mentira, tem pernas curtas...

Afirmam os espíritas:

quer se goste ou não, existem pessoas mais inteligentes do que outras, povos mais inteligentes do que outros e raças mais inteligentes do que outras, mas isso não quer dizer, como bem coloca Kardec, que isso será por toda a eternidade, pois o espírito, ao reencarnar, irá renascer nas mais evoluídas, num progresso sem fim, até à perfeição possível a um ser humano. Veja bem, se disséssemos que existe raça negra, não estaremos diante de uma afirmativa racista, é uma constatação do que a natureza produziu, em última instância Deus”. [...] Kardec demonstra claramente em seus esclarecimentos que certas diferenças existentes entre seres humanos não podem ser explicadas senão através da reencarnação. Único sistema em que todos os seres são iguais e recebem o mesmo tratamento por parte de Deus”.

Kardec afirmou: 

«Um chinês, por exemplo, que progrediu sificientemente, e não encontra na sua raça um meio correspondente ao grau que alcançou, se encarnará entre um povo mais avançado. À medida que uma geração dá um passo em frente, ela atrai por simpatia novos Espíritos mais avançados, e que talvez sejam os que viveram em um mesmo país, se progrediram, e é assim que, passo a passo, uma nação avança. Se a maioria dos novos fosse de uma natureza inferior, os velhos partindo cada dia e não retornando a um meio mais inferior, o povo degeneraria e acabaria por se extinguir.»

 

Mas, eis que a ciência evoluiu e desmente Kardec: 

 

imagem 3.jpg

 

 Tradução da legenda: Approximate IQ (Q.I. aproximado), World IQ map of indigenous populations (Mapa mundial do Q.I. de populações originárias de seus territórios).

 

Considerando o artigo acima, o equívoco de Allan Kardec é evidenciado pela expressiva performance dos asiáticos, como os chineses. Faz-se necessário recordar que o autor espírita classifica o europeu civilizado com o melhor desempenho intelectual, cultural e tecnológico ao passo que os chineses e os africanos foram privados dos “privilégios da raça caucásica”. Contrariamente ao que Kardec disse, o artigo demonstra que o desempenho chinês sobrepuja a europeia. Ademais, o mapa acima mostra os EUA, a nação que detém o maior poderio militar e tecnológico do mundo, com Q.I. médio abaixo do europeu. Como se sabe, o fluxo migratório de várias etnias para os EUA foi significativo e, embora haja grande quantidade de afrodescendentes nos EUA, o país cresceu de modo vertiginoso, em pouco tempo, económica, militar, tecnológica e culturalmente.

 

E agora, Kardec?