Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Inferno _ O que dizer?

No Juízo final, todos aqueles que rejeitaram as afirmações de Jesus irão para um lugar de castigo eterno. Esse lugar de castigo eterno é o inferno. Quem nos ensina isso é a Bíblia Sagrada, a infalível e verdadeira Palavra de Deus.

As descrições que a Bíblia faz do inferno são difíceis de ler e devem perturbar-nos profundamente.

Jesus Cristo fala do Inferno como "o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos" e para aqueles que rejeitaram a salvação pela graça, que Deus no Seu imenso amor nos concedeu. 

Por muito que os seres humanos tentem negar a evidência e a realidade do inferno, diminuindo-o ou gritando que ele não existe, é para lá que vão se não se arrependerem e se não se voltarem para Jesus (Mateus 25:41).

O inferno é um lugar onde "o seu verme não morre e o fogo não se apaga" (Marcos 25:41). É um "lugar de tormento" (Lucas 16:28). João diz-nos que é um lugar em que os que rejeitaram Jesus beberão, junto com o Diabo e seus anjos, "o cálice da sua ira, sem mistura" e serão atormentados "com fogo e enxofre diante dos santos anjos e do Cordeiro" (Apocalipse 14:10). O "fumo do seu tormento" não se apagará "para todo o sempre"; e "não têm repouso, nem de dia nem de noite" (Apocalipse 14:11).

Nós, que cremos em Cristo, que fomos salvos pelo Seu precioso sangue, não temos qualquer motivo para temer o inferno, mas devemos pensar nele com grande seriedade e tristeza. O próprio Deus diz: "não tenho prazer na morte do ímpio" (Ezequiel 33:11).

Embora nos seja difícil pensar nele, o inferno é ensinado tão claramente na Bíblia que não parece haver forma aceitável de o negar e ainda assim dizer-se cristão, conhecedor e estudioso da Bíblia, muito menos viver sob a luz da Palavra de Deus.

Além disso, num universo onde existe um mal tão profundo que exige a justa ira de um Deus Justo e Santo, nós devemos perceber que o mal não pode e não vai ficar impune. Todos os juízos de Deus são retos e justos, porque "o Senhor é justo (...) n'Ele não há sombra de injustiça" Salmo 92:15). 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.