Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

"O" ESPÍRITO SANTO _ Não é "UM" espírito

Continuando com a reposição da Verdade Bíblica em relação às mentiras dos espiritismo:

 

"E há espíritos bons (evoluídos) e maus (atrasados). Sim, na Vulgata Latina de São Jerônimo, temos espíritos bons e espíritos maus, o que está de acordo com os originais bíblicos em grego. Porém os tradutores para as outras línguas falsificaram os textos bíblicos, para darem sustentação à doutrina dogmática do Espírito Santo. Eles tentaram anular os fenômenos espíritas ou mediúnicos que sempre existiram em nosso planeta, desde o homem das cavernas." Leiam o Livro de Deuteronómio! Deus condena o "espiritismo" veementemente, desde o princípio!

 A Bíblia Sagrada ensina que apenas um Espírito procede de Deus, o Espírito de Deus! Vejamos o que Paulo escreveu em Efésios: 4:1 Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocaçäo com que fostes chamados,
2 Com toda a humildade e mansidäo, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,
3 Procurando guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.
4 Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocaçäo;
5 Um só Senhor, uma só fé, um só batismo;
6 Um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos vós.
7 Mas a graça foi dada a cada um de nós segundo a medida do dom de Cristo.(...)     30 E näo entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redençäo.
Jesus Cristo enviou-nos o Consolador! O espírito de verdade que nos orienta e guia. Vejamos o que Ele disse em João 14: 16  E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre;
17  O Espírito de verdade, que o mundo näo pode receber, porque näo o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós.
18  Näo vos deixarei órfäos; voltarei para vós.
19  Ainda um pouco, e o mundo näo me verá mais, mas vós me vereis; porque eu vivo, e vós vivereis.
20  Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós.
21  Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele.
22  Disse-lhe Judas (näo o Iscariotes): Senhor, de onde vem que te hás de manifestar a nós, e näo ao mundo?
23  Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.
24  Quem näo me ama näo guarda as minhas palavras; ora, a palavra que ouvistes näo é minha, mas do Pai que me enviou.
25  Tenho-vos dito isto, estando convosco.
26  Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito. João 15:   26  Mas, quando vier o Consolador, que eu da parte do Pai vos hei de enviar, aquele Espírito de verdade, que procede do Pai, ele testificará de mim. 27  E vós também testificareis, pois estivestes comigo desde o princípio.(...)    Todavia digo-vos a verdade, que vos convém que eu vá; porque, se eu näo for, o Consolador näo virá a vós; mas, quando eu for, vo-lo enviarei.
E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo.
9  Do pecado, porque näo crêem em mim;
10  Da justiça, porque vou para meu Pai, e näo me vereis mais;
11  E do juízo, porque já o príncipe deste mundo está julgado.
12  Ainda tenho muito que vos dizer, mas vós näo o podeis suportar agora.
13  Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque näo falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir.
Disse isto antes de ser morto. Depois de ressuscitar disse-lhes em Lucas 24: 39  Vede as minhas mäos e os meus pés, que sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito näo tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho.
40  E, dizendo isto, mostrou-lhes as mäos e os pés.
41  E, näo o crendo eles ainda por causa da alegria, e estando maravilhados, disse-lhes: Tendes aqui alguma coisa que comer?
42  Entäo eles apresentaram-lhe parte de um peixe assado, e um favo de mel;
43  O que ele tomou, e comeu diante deles.
44  E disse-lhes: Säo estas as palavras que vos disse estando ainda convosco: Que convinha que se cumprisse tudo o que de mim estava escrito na lei de Moisés, e nos profetas e nos Salmos.
45  Entäo abriu-lhes o entendimento para compreenderem as Escrituras.
46  E disse-lhes: Assim está escrito, e assim convinha que o Cristo padecesse, e ao terceiro dia ressuscitasse dentre os mortos,
47  E em seu nome se pregasse o arrependimento e a remissäo dos pecados, em todas as naçöes, começando por Jerusalém.
48  E destas coisas sois vós testemunhas.
49  E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.

 

Kardec apenas estudou e criou normas científicas para o contacto com os espíritos.

Científicas? Qual é a Ciência que prova as teorias de Kardec? Não é certamente a Ciência que conhecemos! Será a ciência espírita?

 

São Paulo chamou esses fenômenos de dons espirituais, ou seja, do espírito do médium (profeta na Bíblia). Daí que Paulo ensina que quando alguém ora em línguas (1 Coríntios 14,14), é o próprio espírito dele que ora, não, pois, o Espírito Santo da Trindade.

Não!! Paulo chamou dons espirituais aos dons DO Espírito, não de UM espírito, leiam o capítulo 14 de 1 Coríntios TODO, porque como vimos antes, no post anterior, é fácil retirar textos do contexto para os fazer parecer o que na verdade não são!!

Paulo não foi um profeta e sim um Apóstolo! Mas... vamos aproveitar o facto de o escritor espírita falar em Paulo para legitimar uma mentira espírita, mostrando algo que o Apóstolo Paulo escreveu logo a seguir e que é veementemente negado pelo espiritismo:

1 Coríntios 15: 1 Também vos notifico, irmäos, o evangelho que já vos tenho anunciado; o qual também recebestes, e no qual também permaneceis.
2 Pelo qual também sois salvos se o retiverdes tal como vo-lo tenho anunciado; se näo é que crestes em väo.
3 Porque primeiramente vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras,
4 E que foi sepultado, e que ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras.
5 E que foi visto por Cefas, e depois pelos doze.
6 Depois foi visto, uma vez, por mais de quinhentos irmäos, dos quais vive ainda a maior parte, mas alguns já dormem também.
7 Depois foi visto por Tiago, depois por todos os apóstolos.
8 E por derradeiro de todos me apareceu também a mim, como a um abortivo.
9 Porque eu sou o menor dos apóstolos, que näo sou digno de ser chamado apóstolo, pois que persegui a igreja de Deus.
10 Mas pela graça de Deus sou o que sou; e a sua graça para comigo näo foi vä, antes trabalhei muito mais do que todos eles; todavia näo eu, mas a graça de Deus, que está comigo.
11 Entäo, ou seja eu ou sejam eles, assim pregamos e assim haveis crido.
12 Ora, se se prega que Cristo ressuscitou dentre os mortos, como dizem alguns dentre vós que näo há ressurreiçäo de mortos?
13 E, se näo há ressurreiçäo de mortos, também Cristo näo ressuscitou.
14 E, se Cristo näo ressuscitou, logo é vä a nossa pregaçäo, e também é vä a vossa fé.
15 E assim somos também considerados como falsas testemunhas de Deus, pois testificamos de Deus, que ressuscitou a Cristo, ao qual, porém, näo ressuscitou, se, na verdade, os mortos näo ressuscitam.
16 Porque, se os mortos näo ressuscitam, também Cristo näo ressuscitou.
17 E, se Cristo näo ressuscitou, é vä a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados.
18 E também os que dormiram em Cristo estäo perdidos.
19 Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens.

Aliás, Paulo não conheceu o Espírito Santo trinitário, que só foi instituído no Concílio Ecumênico de Constantinopla (381). Daí que Paulo ensina que quando alguém ora em línguas (1 Coríntios 14,14), é o próprio espírito dele que ora, não, pois, o Espírito Santo da Trindade.

O Espírito Santo não é "Trinitário" faz parte da Trindade! E sim, o nome Trindade não está na Bíblia! Mas está o termo "Espírito Santo", "Consolador"; "Espírito de Deus"; No concílio de Constantinopla 381 d.C., foi sustentada a divindade do Espírito Santo, e que o Filho é gerado pelo Pai, e o Espírito procede do Pai e do Filho. O Pai faz tudo através do Verbo (e) no Espírito. Logo, a unidade do Santo Triúno é preservada. Assim, um só Deus é pregado na Igreja, "o qual é sobre todos (Ef 4: 6), age por meio de todos e está em todos"... É uma Trindade não apenas no nome e na maneira de falar, mas em verdade e realidade". (Atanásio, Epistolae ad Serapion, 1,15,137, citado por J. S. Horrel.) 

Aliás, Paulo não conheceu o Espírito Santo trinitário, que só foi instituído no Concílio Ecumênico de Constantinopla (381).

Mas Paulo foi CHEIO do Espírito Santo de Deus!

É por ser um assunto polêmico que essa doutrina virou dogma. E os teólogos e tradutores adaptaram os textos bíblicos a essa nova doutrina. Recomendo, pois, aos interessados em conhecer a verdade sobre isso que estudem o assunto. Têm surgido muitas obras desse gênero, desde que acabou a Inquisição. Obras de quem? Até eu mesmo tenho escrito obras nessa área. Na maioria dos textos bíblicos antigos, lê-se "um" Espírito Santo, numa referência ao Espírito Santo que somos.

Quem escreveu isto, ou não sabe Grego... ou mentiu mais uma vez? Como temos observado, é comum afirmar-se algo que não corresponde à verdade.

Vejam Isaías 48: 16  Chegai-vos a mim, ouvi isto: Näo falei em segredo desde o princípio; desde o tempo em que aquilo se fez eu estava ali, e agora o Senhor DEUS me enviou a mim, e o seu Espírito. Este texto é chave, (não procede do grego, mas do hebraico) pois refere-se a Alguém que estava no princípio com Deus e que agora foi enviado por Ele, juntamente com o Seu Espírito. Temos nitidamente a indicação de três Pessoas divinas. 
 

Diz-se, pois, correctamente: inspiração de "um" Espírito Santo, e não de "o" Espírito Santo. Para fundamentar a doutina espírita seria mais conveniente que assim fosse... mas não é de todo o que a Palavra diz ou ensina! Outros nomes que se dão aos espíritos enviados humanos são de demônios e de deuses pagãos, em oposição ao Espírito Santo. Mas, como vimos, directamente, Deus nunca se manifesta.

Porquê tanta ânsia de negar Jesus Cristo? Porquê afirmar algo totalmente contrário à Sua doutrina? Porquê? Afirmar que Deus nunca se manifesta, é chamar mentiroso a Jesus... é negar o que Ele ensinou... é uma heresia, uma mentira diabólica.

Meus amados, nunca é demais repetir as palavras de Jesus em relação a este assunto, vejam: João 1: 18  Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou.
Palavras de Jesus em João 14: 1  Näo se turbe o vosso coraçäo; credes em Deus, crede também em mim.
2  Na casa de meu Pai há muitas moradas; se näo fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar.
3  E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.
4  Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho.
5  Disse-lhe Tomé: Senhor, nós näo sabemos para onde vais; e como podemos saber o caminho?
6  Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senäo por mim.
Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto.
8  Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta.
9  Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e näo me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai?
10  Näo crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo näo as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.
11  Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.

  Ele só pode ser "enviador", jamais um enviado, um mensageiro, um anjo, ainda que boníssimo, pois Ele é o Pai dos espíritos, dos mensageiros, anjos bons ou maus (Hebreus 12,9).

Ele, Deus é o Criador de todas as coisas, mas não Pai! Veja carta de paulo aos Gálatas 4: 4 Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei,
5 Para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoçäo de filhos.
6 E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos coraçöes o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai.
7 Assim que já näo és mais servo, mas filho; e, se és filho, és também herdeiro de Deus por Cristo.

E Efésios 1:  5 E nos predestinou para filhos de adoçäo por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade,
6 Para louvor e glória da sua graça, pela qual nos fez agradáveis a si no Amado,
7 Em quem temos a redençäo pelo seu sangue, a remissäo das ofensas, segundo as riquezas da sua graça,

Todos nós somos criaturas de Deus, mas filhos são só aqueles que aceitaram ser lavados e remidos no sangue do Cordeiro, Jesus Cristo e, o espiritismo não acredita nisso.

Vejamos o que nos diz a carta de Paulo aos Hebreus 12: 7 Se suportais a correçäo, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai näo corrija?
8 Mas, se estais sem disciplina, da qual todos säo feitos participantes, sois entäo bastardos, e näo filhos.
9 Além do que, tivemos nossos pais segundo a carne, para nos corrigirem, e nós os reverenciamos; näo nos sujeitaremos muito mais ao Pai dos espíritos, para vivermos?
10 Porque aqueles, na verdade, por um pouco de tempo, nos corrigiam como bem lhes parecia; mas este, para nosso proveito, para sermos participantes da sua santidade.
11 E, na verdade, toda a correçäo, ao presente, näo parece ser de gozo, senäo de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela.
12 Portanto, tornai a levantar as mäos cansadas, e os joelhos desconjuntados,
13 E fazei veredas direitas para os vossos pés, para que o que manqueja näo se desvie inteiramente, antes seja sarado.
14 Segui a paz com todos, e a santificaçäo, sem a qual ninguém verá o Senhor;
15 Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem.
16 E ninguém seja devasso, ou profano, como Esaú, que por uma refeiçäo vendeu o seu direito de primogenitura.
17 Porque bem sabeis que, querendo ele ainda depois herdar a bênçäo, foi rejeitado, porque näo achou lugar de arrependimento, ainda que com lágrimas o buscou.
18 Porque näo chegastes ao monte palpável, aceso em fogo, e à escuridäo, e às trevas, e à tempestade,
19 E ao sonido da trombeta, e à voz das palavras, a qual os que a ouviram pediram que se lhes näo falasse mais;
20 Porque näo podiam suportar o que se lhes mandava: Se até um animal tocar o monte será apedrejado ou passado com um dardo.
21 E täo terrível era a visäo, que Moisés disse: Estou todo assombrado, e tremendo.
22 Mas chegastes ao monte Siäo, e à cidade do Deus vivo, à Jerusalém celestial, e aos muitos milhares de anjos;
23 A universal assembléia e igreja dos primogênitos, que estäo inscritos nos céus, e a Deus, o juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados;
24 E a Jesus, o Mediador de uma nova aliança, e ao sangue da aspersäo, que fala melhor do que o de Abel.
25 Vede que näo rejeiteis ao que fala; porque, se näo escaparam aqueles que rejeitaram o que na terra os advertia, muito menos nós, se nos desviarmos daquele que é dos céus;
26 A voz do qual moveu entäo a terra, mas agora anunciou, dizendo: Ainda uma vez comoverei, näo só a terra, senäo também o céu.
27 E esta palavra: Ainda uma vez, mostra a mudança das coisas móveis, como coisas feitas, para que as imóveis permaneçam.
28 Por isso, tendo recebido um reino que näo pode ser abalado, retenhamos a graça, pela qual sirvamos a Deus agradavelmente, com reverência e piedade;
29 Porque o nosso Deus é um fogo consumidor.

Cuidado com o que ouvem... confirmem não um versículo retirado do contexto, mas toda a Palavra!

O Apóstolo Paulo alertou em Efésios 4:

14 Para que näo sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente.
15 Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo,