Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

O QUE É O ESPIRITISMO? Introdução

1. INTRODUÇÃO

"Quem crê no Filho de Deus, em si mesmo tem o testemunho; quem não crê em Deus, o faz mentiroso, porque não crê no Testemunho que Deus deu a respeito de seu Filho. E o Testemunho é este: Deus nos deu a vida eterna e esta vida está em seu Filho. Quem possui o Filho, possui a vida; quem não tem o Filho de Deus, não tem a vida." (1Jo 5:10-12)

 

O objectivo deste estudo "O que é o espiritismo?" é resgatar, é procurar trazer de volta para os caminhos de Cristo, todos aqueles que, desconhecendo totalmente o Evangelho de Jesus Cristo e o poder de Deus, foram e são enganados pelos conceitos das doutrinas espíritas; e hoje, mergulhados na escuridão das trevas e ausência de Deus, acreditam, inocentemente, que seguem o mesmo caminho de Jesus, quando, na realidade, cultuam os espíritos das trevas, aqueles que, por sua soberba e liderados por Lúcifer, Príncipe das Trevas, foram todos derrotados por Deus e assim afastados definitivamente da sua glória e da sua presença.

 

Quando alguém é picado por uma serpente, é medicado com o antídoto extraído da própria serpente.

Assim também foi concebido este estudo: utilizamos citações dos próprios livros doutrinários do espiritismo e, fundamentados nas revelações da própria Palavra de Deus, a Bíblia, apresentamos as falsas interpretações espíritas.

"... quem não crê em Deus, o faz mentiroso, porque não crê no testemunho que Deus deu a respeito de seu Filho... "

Disso temos certeza: pelos conceitos doutrinários contidos nos livros consultados, nem Allan Kardec, nem Carlos Embassahy, nem Luís de Matos e os demais autores espíritas, acreditaram no testemunho que Deus deu a respeito do seu Filho Jesus.

 

Por isso, com relação aos ensinamentos bíblicos, esses homens não merecem crédito nem seguidores, pois afrontaram directamente a Deus.

Neste momento, rogamos de coração ao nosso Deus e Pai, que pela acção do Espírito Santo, conceda discernimento aos doutrinadores que ainda vivem, para que eles confessem em público a Jesus, como único caminho que nos conduz ao Pai, e peçam também perdão a Deus pelo estrago espiritual que já provocaram em milhares de almas, pois só assim participarão um dia do Reino de Deus e da Sua Eterna Glória. Amém.

 

2. A ORIGEM DO ESPIRITISMO

 O pensamento religioso budista da Índia, dissensão do hinduísmo e do Bramanismo, baseia-se no SAMSARA, isto é, o ciclo infinito de nascimentos, mortes e reencarnações dos seres vivos no mundo transitório.

A retribuição das acções cometidas, boas ou más, ou seja, o KARMA, é que determina o lugar de cada reencarnação, numa escala hierárquica onde inclui seres humanos, deuses e demónios infernais, fantasmas, animais, plantas e minerais.

Segundo o Budismo, a vida é, ao mesmo tempo, a continuação de vidas anteriores e a preparação de vidas futuras, onde o reencarnado pode passar por diversos estágios onde receberá, passivamente, o fruto de seus actos.

 

A única salvação deste ciclo infinito é chegar a um estado chamado NIRVANA (evasão da dor). Mas somente a minoria sábia pode saltar do Samsara para a salvação, enquanto a maioria dos seres continuará no seu ciclo.

A influência da filosofia oriental, principalmente o pensamento ateísta-agnóstico do Budismo, foi o caminho espiritual que inspirou muitas formas religiosas no oriente e no ocidente, onde o homem é apresentado como um ser iludido pelas paixões e interesses mundanos, podendo entretanto alcançar níveis de perfeição que o libertem da sequência de reencarnações que o prendem à vida.

 

Assim sendo, em meados do século XIX, a corrente espírita iniciada nos Estados Unidos e consolidada na França, através da formulação de Allan Kardec, coincide não só com as concepções do mundo de inspiração hindu, como também com as seitas concebidas na antiguidade, uma vez que a preocupação em manter contatos com os espíritos dos mortos fazia parte das práticas religiosas dos egípcios, caldeus, gregos e romanos. Já naquela época praticava-se a "magia branca" e a "magia negra". Quando alguém procurava entrar em contato com os espíritos dos mortos na intenção de ser beneficiado ou influenciado por eles, tinha-se a "magia branca" e, em caso contrário, tinha-se a "magia negra". O Egipto, país que deu ao mundo como herança macabra o "Livro dos Mortos", também base dos conceitos espíritas actuais, possui em toda a sua arte, literatura, ciência e religião, profundas influências nas crenças espíritas.

 

Continua: 3. O QUE É ESPIRITISMO

Alimento espiritual diário para meditar: http://jesusevida.blogs.sapo.pt/51170.html

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.