Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

BEM FEITO! Nasceu cego, surdo ou mudo? Sem pernas?... É porque mereceu!?

 

 

ESCANDALIZADOS COM O TÍTULO?

Este é o ensino espírita! Nú e crú!

Ao contrário do ensino bíblico, as repostas que os espíritas dão para o facto de uns nascerem "assim" e outros "assado", é terrível, bem mais terrível do que qualquer deficiência física!

Deus seria um sádico, um ser sem amor e sem misericórdia, se o conceito espírita fosse verdadeiro.

 

O Mauro Garavello, um médium espírita que acompanha o que escrevo há alguns anos, postou um vídeo, "A Garota surda e o violino", que ilustrou com a seguinte frase:

"Deus  não  escolhe  os  capacitados,  capacita  os  escolhidos".

 O vídeo pode ser visto aqui: http://www.youtube.com/watch?v=o3SozyMA3KI

 

Comentei: _ Qual deus Mauro Garavello? A menina surda não é surda porque quis reencarnar assim?

 

Ele respondeu: _ Não  é  este  o  ensinamento espírita Maria Helena Costa,  tu  como  uma  estudiosa  deveria  saber  disso...

    

Estranho... não é isso que o "ensinamento" espírita diz? Mas, foi isso que Kardec escreveu!!

 

Respondi: _ Sério Mauro Garavello?

_ Então vamos ver: "Por outro lado, não podendo Deus punir alguém pelo bem que fez, nem pelo mal que não fez, se somos punidos, é que fizemos o mal; se esse mal não o fizemos na presente vida, tê-lo-emos feito noutra. E uma alternativa a que ninguém pode fugir e em que a lógica decide de que parte se acha a justiça de Deus. (O Evangelho Segundo o Espiritismo, "Causas anteriores das aflições" pág. 101).

 

Primeiro, Kardec afirma que Deus não pode fazer nada para mudar o que quer que seja, certo?

Se lermos este ensino sem palas nos olhos, em linguagem simples, Kardec não afirma que "cada um só tem mesmo o que merece, mesmo não tendo a mínima ideia de ter feito mal noutras vidas?"  

Mas, há mais uma resposta dada pelos demónios a Kardec que diz exactamente o que eu disse acima:

"Kardec pergunta: "Quesito 814. Por que Deus concedeu a uns a riqueza e o poder e a outros, a miséria?"

O espírito responde: — Para provar a cada um de uma maneira diferente. Aliás, vós o sabeis essas provas são escolhidas pelos próprios Espíritos, que muitas vezes sucumbem ao realizá-las." (Livro dos espíritos)."

É ou não é este o "ensinamento" espírita, Mauro?

 

O argumento do Mauro é uma piada:

"Tu  colocas  textos de  Kardec  que  atendem  determinadas  questões. De  fato  lendo  o  texto, que  é  de  Kardec  mesmo,  dá  a  entender  que  é  assim,  mas  há outros  que  complementam  este,  existem  reencarnações  compulsórias,  aonde  não  há  escolha. Pode,  eu  disse  PODE  ser  o  caso  desta  menina. Em  questões  reencarnatórias  não  existem  regras,  cada  caso  é  minunciosamente  analisado  pelos  mentores  espirituais..."

 

 Não restam dúvidas de que os demónios baralham as ideias dos seus seguidores... ó doutrina infernal.

Arranjam sempre uma desculpa para o indesculpável.

 

Respondi: "_ Ó Mauro, então, segundo a tua resposta, Kardec codificou não uma, mas várias mentiras?

Sim, porque dizer o que disse e depois dizer algo em contrário... é contraditório, certo?

Poderia colocar aqui  uma série de afirmações de Kardec que se contradizem umas às outras e que mostram as mentiras da doutrina kardecista, mas os espíritos obsessores não te permitiriam "ver"... Uns são condenados a reencarnar compulsoriamente e outros não?

Que raio de maldição é essa, que castigo infinito é esse que a uns permite escolher as provas e a outros não? E depois atreves-te a falar da lógica, razão e coerência da doutrina que te enlaçou? Fala sério Mauro... eu heim?

Agora pergunto: _ Será que todos os espíritas estão tão cegos, que não conseguem perceber este emaranhado de contradições?

Como já escrevi acima, Jesus Cristo ensinou que ninguém nasce deficiente por ter pecado noutra vida:

"E, passando Jesus, viu um homem cego de nascença. E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego? Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus." (João 9:1-3)

 

Jesus teve o cuidado de explicar isto muito bem porque: "Uma crença comum na cultura judaica era a de que a calamidade ou o sofrimento eram resultados de um grande pecado. Mas o Senhor Jesus usou o sofrimento daquele homem para ensinar a respeito da fé e como uma oportunidade para glorificar a Deus.

Vivemos num mundo caído onde o bom comportamento nem sempre é recompensado e o mau nem sempre é punido. Portanto, é comum que pessoas inocentes sofram. Se Deus retirasse o nosso sofrimento sempre que pedíssemos, poderíamos segui-Lo apenas por conforto e conveniência e não por amor e devoção.

A despeito das razões do nosso sofrimento, Jesus tem o poder de nos ajudar a lidar com as situações mais difíceis. Ao sofrer por uma doença, tragédia ou deficiência física, tente não perguntar "porque é que isto me está a acontecer a mim?" ou "o que é que eu fiz de errado?"

(Bíblia de Estudo e Aplicação Pessoal, pág. 1345)

A vida real mostra-nos histórias maravilhosas de superação!

Veja: https://www.youtube.com/watch?v=36fw7v4ufX4

Há homens e mulheres que Deus capacita muito para além das deficiências e limitações físicas com que nascem, ou que fatalmente, um dia, os atingiram.

Pessoas que sabem que há um propósito de Deus em tudo, até na sua mais profunda incapacidade, que aos nossos olhos parece inultrapassável. O poder de Deus aperfeiçoa-se na nossa fraqueza!

Para superar tudo aquilo que, aos nossos olhos finitos e limitados parece insuperável, há uma solução:

 

"Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele o fará." (Salmos 37:5)

 

Texto do meu Manuscrito a sair brevemente.

 

espiritismo[1].jpg

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.