Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Não fale com gente morta

O espiritismo não sai de moda. Especialmente no Brasil, o número de espíritas é imenso, sendo que sua grande maioria é também católica, indo à missa (às vezes) no domingo e frequentando o centro espírita em outro dia da semana.

 

O cenário religioso brasileiro é, assim, uma prova de que o espiritismo exerce grande fascínio sobre as pessoas. A razão disso está, sem dúvida, em suas propostas que abrangem uma lógica de fácil compreensão, algumas ideias fabulosas e certas doutrinas sobre o além que agradam muito o coração do homem que não conhece o evangelho.

 

De fato, a lógica do espiritismo é bastante simples. Por exemplo, os espíritas negam a doutrina da Trindade, evitando com isso as dificuldades de um dogma que a mente humana não consegue acolher por meio do mero uso da razão. Eles também insistem na lei da causa e efeito, afirmando que o que o homem faz aqui paga aqui.

 

Quanto a ideias fabulosas, os espíritas acreditam em vida em outros planetas, despertando a curiosidade das mentes menos privilegiadas. Já no tocante a doutrinas sobre a vida após a morte, eles ensinam que o espírito humano se aperfeiçoa por meio do seu repetido retorno à matéria (reencarnação), tantas vezes quanto isso for necessário. Nesse ponto em particular, a doutrina espírita se revela especialmente atraente porque alivia o coração das pessoas do temor de uma punição eterna — realidade que a Bíblia insiste em afirmar (2Ts 1.9).

 

O maior atractivo do espiritismo, porém, está na afirmação de que é possível e aceitável entrar em contacto com espíritos de pessoas mortas. Acerca disso, ensinam que alguns indivíduos, os médiuns, são dotados de certas capacidades especiais que os habilitam a fazer a ponte entre nós e as almas que já “desencarnaram”. Essa expectativa confere grande esperança para os enlutados que se apegam a essa prática com todo afinco, desejando ardentemente se comunicar com um ente querido que faleceu.

 

Por mais que essa prática pareça inocente e incapaz de produzir qualquer dano a alguém, o fato é que, na Bíblia, Deus a reprova com toda a veemência. Aliás, sua proibição é uma das mais antigas das Escrituras, sendo alistada entre as abominações que o povo de Israel deveria evitar a todo custo quando entrasse na terra prometida:

 

“Quando entrares na terra que o Senhor, teu Deus, te der, não aprenderás a fazer conforme as abominações daqueles povos. Não se achará entre ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro; nem encantador, nem necromante, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por essas abominações o Senhor, teu Deus, os lança de diante de ti” (Dt 18.9-12).

 

Como se sabe, porém, o povo não obedeceu a essas ordens do Senhor. Até mesmo Saul, o primeiro rei de Israel, caiu no pecado de consultar uma médium e, de acordo com o relato bíblico, foi castigado por Deus com a morte por causa disso. É o que diz 1Crônicas 10.13:

 

“Assim morreu Saul por causa da sua transgressão cometida contra o Senhor, por causa da palavra do Senhor que ele não guardara; e também porque interrogara e consultara uma necromante e não o Senhor, que, por isso, o matou e transferiu o reino a Davi, filho de Jessé”.

 

A lição de Saul, contudo, parece não ter sido suficiente para Israel e, por isso, Deus enviou seus profetas para que admoestassem os espíritas da época. Foi Isaías quem, no século 8 a.C., pregou a seguinte mensagem contra os israelitas rebeldes:

 

“Quando vos disserem: consultai os necromantes e os adivinhos, que chilreiam e murmuram, acaso não consultará o povo ao seu Deus? A favor dos vivos se consultarão os mortos? À lei e ao testemunho! Se eles não falarem dessa maneira, jamais verão a alva” (Is 8.19,20).

Escritura não revela porque a prática de consultar mortos é tão odiosa aos olhos de Deus. É bem provável, porém, que a razão disso seja o fato de se tratar de um costume próprio das religiões pagãs que tinham intenso contacto com demónios (1Co 10.20,21). Certamente, consultar mortos dava ensejo a que espíritos malignos se manifestassem, fazendo-se passar por almas de pessoas falecidas, enganando, assim, tanto os médiuns como quem os consultava. No fim, todos eram levados para longe da verdade e caíam no desagrado do Senhor como ocorreu com o rei Saul.

 

Vê-se assim que, por mais que buscar fazer contacto com gente falecida pareça uma prática boa e até confortadora, a verdade é que a Bíblia a enumera entre os piores pecados que uma pessoa pode cometer. Isso porque essa prática abre espaço para a acção de demónios perversos que afastam os homens da verdade e os submetem à mais dolorosa escravidão, roubando-lhes a paz e distanciando-os ainda mais do Senhor.

 

Pr. Marcos Granconato
Soli Deo gloria

 

maxresdefault.jpg

 

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    MarinhoSul 11.03.2019

    Só para complementar: O Espiritismo, além do exposto acima, não cresce não só no Brasil, cresce percentualmente nos últimos 10 anos, nos U.S.A, Portugal,Espanha, Bélgica, Argentina, Canadá, Alemanha, França e Inglaterra por ex.
    Existem as associações médico-espíritas nestes países, em congressos internaiconais, analisam as obras técnicas espiritas à luz co consenso e publicações científicas modernas, em várias áreas, principalmente nas mais abrangentes da Medicina como, neurociências, Psicologia, neurogenética ( neurofisiologia moderna), mediante as três últimas publicações cientificas em neuro-estruturas , q confrimam no exame do cérebro as três regiões q o Espiritismo, há décadas já diziam, q interligam funções neurofisiológicas , cm as funções elétricas do cérebro à Personalidade humana de hj, e a priitiva, na análise do córtex cerebral, lobo frontal, pré-frontal, gânglios basais, e sua proposta , q analisa o homem integral, desde as escolas filosóficas às atomistas, a Mirlvat, Renée Descartes à Psicologia Analítica e transpessoal, e destas à psicologia profunda espírita, e a análise da Personalidade histórica de Jesus à luz da Sua Cultura e os atributos do Mashiach, nessa compreensão tbm, por isso Maria Helena, mitologia ( dentro da cultura de Jesus), como teologia da Salvação, fica entregue como está à arqueologia e historiadores do documento semita.
    Associação médico-espírita do Brasil: http://www.ameinternational.org/site/pt/
    Associação médico-espírita Inglaterra- Londres:
    http://www.ameinternational.org/site/pt/node/99
    Associação médico-espírita França: http://www.ameinternational.org/site/pt/node/105
    Associação médico-espirita Espanha-Lugo:
    http://www.ameinternational.org/site/pt/node/99

    A proposta espírita à luz da Psicologia Analítica, e os CINCO estágios ou estados de Consciência, em complemento às lacunas do Inconsciente, e a manifestação do Ser como Ser Integral, do seu estágio primitivista-instintivista ao homem Idealista, por ex, nas 17 Obras da série psicológica do espírito Joanna da Angelis, estudada em grupos de psicoterapeutas, psicólogos, médicos espíritas e não espírita mundo à fora, introduzidas em grupos restritos na Univ da Suécia e depois na menina dos olhos da medicina mundial Yale University, pela eminente e consagrada psiquiatra, Elisabeth Kulber Ross, uma das maiores estudiosas modernas, sob método científico distinto, em mediunidades positiva e sua proposta.
    AMERGS - Associação médico-espírita do Rio Grande do Sul:
    http://www.amergs.org/atividades/grupos-de-estudos/joanna/

    Psicologia espírita ( profunda) e Psicologia Analítica:
    https://paulorogeriodamotta.com.br/psicologia-e-espiritismo-por-joanna-de-angelis/

    Obs: No Espiritismo, nada se cobra, pois toda arrecadação de uma obra, é destinada a menos favorecidos. Nada se impõe, e o q diz, é pq experimentou, analisando e distinguindo Objeto de Sujeito, sistematicamente, como recomenda o modelo do método científico, mas diferente, para padrões diferentes de manifestações ( no caso de Consciências).
    Tda religião é boa, quando religa Obra a Criador, e o Evangelho a Jesus.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.