Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

Blog d'espiritismo _ A verdade

Não há, pois, como considerar Cristão, alguém que não crê no sacrifício que o Deus Vivo fez por nós. Desta forma, como filhos de Deus , devemos tomar cuidado com seitas que se dizem Cristãs, mas que são a mais pura deturpação da verdade.

RACISMO PURO E DURO!

As desculpas que os espíritas usam para desculpar o indesculpável raiam o ridículo!

Vejam como um médium espírita tentou negar o racismo latente do codificador do espiritismo, Allan Kardec:

 

PUBLIQUEI: "E ESTA?

Para Kardec, o negro deve evoluir espiritualmente até poder nascer no corpo de um homem branco! Só não consigo entender uma coisa… visto que o corpo, com pele negra, branca ou outras, volta ao pó, morre, resta-nos a hipótese de o espirito (imortal) ser negro! Será que para os espiritas o espirito também tem raça?  Isto é o cúmulo do racismo e… da ignorância. Kardec entende "negro" e "selvagem" como uma e a mesma coisa. ... Espirito ou corpo? Ou os dois? Isto é sem duvida muito “cientifico”…"

 

Mauro Garavello "Helena,  Helena, eu  já  te  disse  (mais  de  uma  vez)  que  este  texto foi extraído  do  livro "Obras Póstumas",  portanto  publicado  por  alguém  em  homenagem  a   Kardec. Contemporâneos de  Kardec  pertencentes  a  nata  da intelectualidade  Européia  da  época , e  que  privavam  da  companhia  e  amizade  do codificador  da  Doutrina  Espírita,  como Gabriel Delanne,  Camille  Flammarion  e  Léon  Denis  negam peremptoriamente  qualquer  comentário,  ato  ou  indução  ao  racismo por  parte  de  Kardec.
Se  pesquisares  a  vida  e  obra  de  Kardec , Maria  Helena Costa constatarás que  ele  dedicou  sua  vida  à  educação  e  a  cultura,  dando  continuidade e  mesmo  superando  seu  amigo  e  Mestre  Pestalozzi  na  instituição  que  levava  o  nome  de  seu  Mestre.  Lecionava  com  amor  e  repudiava a  ideia que  pobres  (a  grande  maioria  negros)  não  tivesse  acesso  a cultura,  por  isso  dedicava  horas  e  horas  da  sua  semana  dando  aulas gratuitas  para  os  menos  favorecidos. Pesquise  e  constatará  isso. Mas  tu  preferes  rotular  Kardec  de  racista,  para  denegri-lo  ,  desacreditá-lo. Infelizmente  esta  é  a  mentalidade  tua  e   de  boa  parte (há  exceções)  dos  Evangélicos."

 

RESPOSTA:  Mauro Garavello, não é só nas obras póstumas que Kardec mostra o seu racismo! No Livro dos Espíritos ele diz exactamente o mesmo! Também foram os amigos que o escreveram depois da morte dele? No capítulo V, "I – Considerações sobre a Pluralidade das Existências", do Livro dos Espíritos, podemos ler:
"Por que há selvagens e homens civilizados? Se tomarmos uma criança hotentote (Indivíduo dos hotentotes, povo nómada africano negro do Sul de África.), de peito, e a educarmos, enviando-a depois aos mais renomados liceus, faremos dela um Laplace ou um Newton? No meio de várias considerações, ainda no mesmo capítulo, Kardec conclui sobre os negros: (...) o hotentote é uma raça inferior. Então perguntaremos se o hotentote é ou não humano. Se é humano, por que teria Deus, a ele e a toda a sua raça, deserdado dos privilégios concedidos à raça caucásiana? Se o não é, por que procurar fazê-lo cristão?"
ENTÃO MAURO? O bonzinho do amorozinho do Kardec também não escreveu o livro dos espíritos? Porque te deixas manipular por espíritos mentirosos e depois te queixas de ser exposto?

Além disso quais são as fontes credíveis que falam dessa faceta de Kardec? São só fontes espíritas, certo Mauro Garavelho?

 

7 comentários

Comentar post